NOSSA ESCOLA

NOSSA ESCOLA
ESCOLA MUNICIPAL JOÃO GRENDENE

QUADRA

QUADRA
QUADRA DA ESCOLA

PARQUINHO

PARQUINHO
PARQUINHO DA ESCOLA
"Ensinar não é transferir conhecimento,

mas criar as possibilidades para a sua própria

produção ou a sua construção.” Paulo Freire

quarta-feira, 11 de abril de 2012

JOÃO GRENDENE

Há homens que deixam sua marca por onde passam, seja pelo trabalho, honestidade, inteligência ou um grande amor pela sua terra.
Um desses homens foi João Grendene,  meu pai.
Filho de imigrantes italianos. Tendo como mão Pacífica Alcenatti e como  pai Bortholo Grendene. Nasceu em três de outubro de 1907 em Nova Vicenza, hoje Farroupilha. Descendente de uma família de onze irmãos; seis irmãs e cinco irmãos.
Desde jovem seu trabalho foi grande parte dedicado à agricultura.
Os parentes e vizinhos previam um futuro brilhante para ele, pela sua inteligência e pelo seu amor ao trabalho. Pela sua simplicidade fazia de seus operários amigos e cativava pessoas com quem convivia.
Casou-se com Amélia Lunardelli com quem teve três filhos: Iró, Cleofe e Ivan (falecido).
Fundou uma cooperativa rural na qual os colonos faziam o que produziam, ou seja, arroz, feijão, derivados de leite, embutidos de carne, mel, hortaliças, frutas da região, comercializavam pelo  açúcar, café, tecidos em metro, aviamentos para costura e pequenas máquinas agrícolas.
Trouxe mudas de eucalipto e acácia negra(aqui não deu devido ao clima frio e foram encaminhadas para Monte Negro onde produzem Tanino).
Iniciou com seus irmãos Pedro e José os grandes viveiros  de mudas de árvores frutíferas que parte estavam plantadas onde é hoje o Bairro 1º de Maio. Parte dessas mudas foram importadas da Itália e da França para serem produzidas aqui e depois vendidas a todo o Brasil.
Destacou-se também na indústria; fundou uma fábrica onde eram aproveitados os bagaços da uva que seriam transformados em água ardente, ou melhor, em graspa; essa graspa era  enviada para São Paulo onde os grandes industriais transformavam-na em bebidas como vermute, conhaque e outras bebidas alcoólicas. Esse álcool também era aproveitado nos laboratórios para fins medicinais.
Ingressou na carreira política abraçando o partido de Getúlio Vargas, o PTB, sendo eleito vereador para o período de 31 de dezembro de 1955. Em 1963 foi eleito prefeito.
Seus feitos principais foram:
Instalação do Banco do Brasil, Banco Agrícola Mercantil e Unibanco;
Asfaltamento da Avenida Santa Rita
Instalação da Escola Normal Ângelo Antonello;
Instalação do Ginásio Noturno Alberto Pasqualini;
Criação do Grupo Escolar Volta Grande;
Extensão da rede de água em 10500 metros;
Eletrificação rural de Farroupilha até Nova Sardenha;
Floração do abastecimento de água;
Aquisição de uma parte do terreno do Parque dos  Pinheiros;
Instalação do Posto de Inseminação artificial;
Aquisição de um trator de esteira Caterpilar DC;
Devemos nos sentir privilegiados pelo seu trabalho à frente  da Prefeitura.
Que o exemplo desse homem simples, honesto sirva como ponto de partida para construírem um amanhã melhor para todos.
Após um longo período de enfermidade faleceu aos  15 de setembro de 1993, em Farroupilha, vítima de isquemia cerebral.

Iró Grendene Beltrami

Um comentário:

  1. É isso que queremos!!!!!!! Construir um amanhã melhor para todos!!!!!

    ResponderExcluir